Hospital Lifecenter | Blog
Serviços Hospitalares
  • Consultas e exames
  • Pronto Atendimento
  • Cirurgias e Procedimentos
  • Diagnóstico e tratamento de lesões intra cranianas
  • Embolização de tumores benignos e malignos e mal formações vasculares
  • Laboratório de Hemodinâmica
  • Terapia Intensiva
  • Internação Hospitalar
  • Especialidades Médicas
  • Anestesiologia
  • Arritmologia cardíaca
  • Cardiologia clinica
  • Cardiologia Intervencionista
  • Cirurgia bariátrica
  • Cirurgia buco-maxilo-facial
  • Cirurgia cardiovascular
  • Cirurgia coloproctologica
  • Cirurgia de cabeça e pescoço
  • Cirurgia de coluna
  • Cirurgia de joelho
  • Cirurgia de mão
  • Cirurgia de quadril
  • Cirurgia endovascular
  • Cirurgia geral e digestiva
  • Cirurgia ginecológica
  • Cirurgia hepato-bileo-pancreatica
  • Cirurgia otorrinolaringológica
  • Cirurgia plástica estética e reparadora
  • Cirurgia torácica
  • Cirurgia urológica
  • Cirurgia vascular
  • Clínica médica
  • Coloproctologia
  • Eletrofisiologia cardíaca
  • Endocrinologia
  • Gastroenterologia e Nutrologia
  • Ginecologia
  • Hematologia
  • Hemodinâmica
  • Hepatologia
  • Infectologia
  • Medicina de urgência
  • Medicina Interna
  • Nefrologia
  • Neurocirurgia
  • Neurologia
  • Neurorradiologia
  • Oncologia
  • Ortopedia e traumatologia
  • Ortopedia Oncológica
  • Otorrinolaringologia
  • Reumatologia
  • Terapia intensiva de adultos
  • Urologia
  • Especialidades Multiprofissionais
  • Enfermagem
  • Fisioterapia
  • Fonoaudiologia
  • Nutrição e dietética
  • Psicologia Clínica Hospitalar
  • Blog

    Lavar as mãos: confira dicas para garantir a higienização correta


    Postado em 15/10/2019



    Ainda que simples e barato, o hábito de lavar as mãos é frequentemente negligenciado pela população. Segundo o infectologista e coordenador do serviço de infectologia do Hospital Lifecenter, dr. Carlos Starling, em menos da metade dos casos, lavamos as mãos com a regularidade adequada.


    Em meio a aglomerações, a exposição a doenças causadas por micro-organismos aumenta exponencialmente – risco que é ainda maior em contextos hospitalares. É possível, no entanto, se prevenir contra grande parte dessas contaminações realizando a limpeza correta e periódica das mãos. “Essa é uma das estratégias mais simples para evitar a transmissão de bactérias”, explica o infectologista.
    Confira a seguir dicas para se prevenir contra as doenças transmitidas pela má higienização das mãos no dia a dia e em ambientes hospitalares.


    São apenas 15 segundos


    A falta de tempo é um dos principais argumentos frequentemente apontados por quem abre mão da higienização das mãos. Ao contrário do que se supõe, no entanto, a limpeza correta pode ser feita de forma muito rápida.


    egundo o dr. Starling, são necessários apenas 15 segundos para garantir a adequada higienização da região das mãos. Durante a limpeza, a orientação é de que se esfregue bem o espaço entre os dedos, área dos pulsos e as palmas das mãos.


    Quem não tem sabão, higieniza com álcool


    Muito disseminado nos últimos anos, o uso do álcool em gel é tão eficaz quanto a água e o sabão. Essa é uma alternativa que evita, com eficiência, quase todas as doenças transmitidas pelo contato físico. “Se usado da forma correta, o álcool em gel higieniza tão bem quanto o sabonete”, destaca o infectologista.


    Em ambientes de grande circulação, como escolas e restaurantes, é comum encontrar estações de álcool em gel à disposição. No dia a dia, também é possível se prevenir levando consigo recipientes de álcool em tamanho reduzido, destinados para o uso individual. É possível encontrar pequenos frascos em farmácias, supermercados e lojas de cosméticos.


    Tome cuidado com os objetos manuseados


    O contato físico com objetos contaminados, além do toque corporal, também pode oferecer riscos à saúde. Por isso, para além de garantir a limpeza das mãos, é importante manter higienizados os objetos de uso pessoal, como telefones celulares. Anéis e pulseiras também devem ser submetidos a cuidados especiais.


    Já nos hospitais, é importante que a equipe médica mantenha limpos os instrumentos de trabalho, como estetoscópios “Mesmo que a mão esteja limpa, entrar em contato com os pacientes depois de manusear objetos contaminados também pode transmitir algum tipo de doença”, explica Starling.


    Nos hospitais, exija seu direito


    O cumprimento aos protocolos de higiene é obrigatório em hospitais e deve ser rigorosamente cumprido pelas equipes médica e de enfermagem. Antes e após o manuseio de equipamentos e o contato com os pacientes, os colaboradores devem realizar a devida higienização das mãos com água e sabão.


    Segundo o especialista, os profissionais também devem lavar as mãos antes de depois de tocar os espaços ocupado pelos pacientes. “Além disso, é necessário fazer a higienização ao realizar procedimentos em áreas diferentes do corpo e evitar adereços, como anéis e unhas postiças, que possam acumular impurezas”, aponta o infectologista.


    Caso presenciem comportamentos imprudentes, os pacientes podem e devem se manifestar, exigindo o respeito às boas práticas hospitalares. “É preciso promover o empoderamento dos pacientes. Eles podem requisitar o direito à higiene dos profissionais que o tocam”, defende dr. Starling.


    Viu como lavar as mãos é muito importante? Compartilhe essas dicas com os seus amigos nas redes sociais.


    Este post possui 0 comentários.
    osihoxuujkuj 11/11/2019 17:52:47

    Aguardando Moderação

    osecuhetex 11/11/2019 18:15:35

    Aguardando Moderação

    arewiseguheuq 11/11/2019 18:33:48

    Aguardando Moderação

    iiregoijak 11/11/2019 18:53:31

    Aguardando Moderação

    udahuzl 11/11/2019 22:46:06

    Aguardando Moderação

    agazuju 11/11/2019 22:46:41

    Aguardando Moderação

    iajohew 11/11/2019 22:47:17

    Aguardando Moderação

    Deixe um Comentário